5.4.11

Simples medidas para proteger o ambiente à partir de casa - atualizado


No gráfico acima está evidente a tendência ao crescimento da população mundial, segundo estimativas, em 2050 a população mundial ultrapassará os 8 bilhões de habitantes, uma verdadeira explosão demográfica que pode trazer grandes danos a nossa qualidade de vida no planeta.

Apesar da população crescer o planeta continua o mesmo sendo nossa única casa e prisão, de onde retiramos todos os recursos naturais para produzir itens úteis para a nossa sobrevivência. Isso quer dizer que serão mais pessoas consumindo os recursos e fazendo com que as indústrias produzam ainda mais e que invistam em propaganda visando o lucro.

O ritmo da natureza é diferente do ritmo da sociedade moderna, sendo a primeira mais lenta. Em alguns lugares do planeta já faltam recursos naturais como a água potável. A escassez de petróleo já é uma preocupação para o futuro já que é a principal fonte de energia utilizada no mundo.

São mais pessoas consumindo, gerando mais lixo, mais poluição contribuindo assim para a escassez de recursos naturais e para a degradação ambiental, onde alguns sintomas já aparecem como o caso do aquecimento global, poluição da água potável, enchentes, entre outros.

Neste contexto se torna importantíssima a educação ambiental que deveria começar dentro de casa. Assim como nos preocupamos com a alfabetização linguística e digital também deveríamos nos preocupar com a ambiental visto que é o futuro de nosso planeta que está em jogo, infelizmente há um descaso com esta variável importantíssima da socialização das pessoas, o que tem contribuido para a péssima qualidade de vida em nosso planeta.

Um dos grandes defeitos da sociedade moderna é pensar apenas no presente, em consumir e criar uma suposta felicidade momentânea sem pensar, no entanto, nas consequências de seus atos. Esta não harmonia com o nosso espaço de vivência com certeza vai trazer graves consequências para o futuro.

Segue abaixo algumas dicas para ajudarmos a proteger o nosso planeta e também contribuir com as finanças domésticas já que pode gerar economia a fim de que aumente a qualidade de vida em termos de alimentação saudável e outras coisas importantes:

  • Use sempre veículos que poluam menos, dê prioridade ao transporte coletivo, a caminhar sempre ou utilizar a bicicleta como meio de transporte, isso ajudará tanto em sua saúde, bolso e ambiente;

  • O chuveiro é o grande vilão nos gastos de energia da casa, portanto, use-o no modo morno em dias quentes e feche-o na hora de ensaboar, isso trará uma economia de cerca de 30% em sua conta. Aproveite o banho para urinar, será uma descarga a menos;

  • Compre lâmpadas econômicas ao invés das tradicionais, apesar de custarem um pouco mais caro trazem uma economia surpreendente sem falar no conforto já que aquecem menos o ambiente;

  • Dê preferência aos produtos com selo de baixo consumo de energia;

  • Reaproveite sempre os materiais como água, sacolas plásticas, copos, vasilhames, etc. Isso evitará que estes produtos sejam lançados diretamente no espaço e gere lixo que demora décadas para se decompor. Se em seu município houver a coleta seletiva contribua com este processo, senão, venda alguns materiais para lojas de compram materiais recicláveis como alumínio, cobre, papel, plástico, etc. Ou separe estes materiais e entregue-os para os catadores de materiais recicláveis seres muito importantes e pouco reconhecidos em nossa sociedade;

  • Compre somente o necessário, muitas pessoas compram muito além do que precisam e desperdiçam principalmente os alimentos, em muitos países desenvolvidos as pessoas já possuem este costume e compram uma ou duas batatas por exemplo ao invés de vinte quilos que podem estragar ao longo do mês. Coma para viver e não viva para comer, assim você contribuirá com o ambiente e também com sua saúde visto que a obesidade é um dos males do século devido ao grande apelo dos meios de comunicação pelo consumo e pela falta de educação alimentar.

  • Nunca deixe luzes ou aparelhos domésticos ligados sem necessidade;

  • Lave o carro e a calçada somente em caso de extrema necessidade evitando desperdío de água e lançamento de detergentes e outros elementos no ambiente;

  • Use a mesma roupa mais de uma vez, só lave quando necessário;

  • Se possuir um carro flex prefira o álcool ao invés da gasolina já que as próprias plantações eliminam parte do gás carbônico na atmosfera, sendo mais sustentável o seu uso;

  • Use coador de café de pano ao invés dos descartáveis;
  • Junte vasilhas sujas na cozinha e lave-as todas de uma vez economizando detergente e água;
  • Os aparelhos domésticos como rádio e TV devem ser desligados na tomada, os que ficam a luz acesa gasta em média R$5,00 ao mês;
  • Tente consumir menos carne, existe aproximadamente um gado bovino para cada habitante do planeta que contribui efetivamente para o aquecimento global através dos gases que geram;

Como podemos perceber são dicas simples e valiosas que podem tornar o nosso modo de vida sustentável. Para protegermos o ambiente não são necessárias grandes ações, basta mudar simplesmente o modo de viver e pensar, os ganhos ambientais, financeiros e de saúde são infinitos. A natureza agradece e sua própria qualidade de vida agradecem.

Luciano Costa

OBS.: Caso tenham alguma outra sugestao para a lista deixem um comentário.

Postagens relacionadas:


http://www.lucianogeo.com/2006/01/uma-carta-de-2070.html

http://www.lucianogeo.com/2009/02/historia-das-coisas.html

http://www.lucianogeo.com/2008/09/artigo-cientfico-globalizao-e-degradao.html



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...